Segunda, 16 de Maio de 2022
17°

Poucas nuvens

Itapiranga - SC

Dólar
R$ 5,05
Euro
R$ 5,27
Peso Arg.
R$ 0,04
Esportes GRÊMIO E CHAPE

GRÊMIO PERDE PARA A CHAPE NA ARENA E VOLTA DE RENATO PORTALUPPI COMEÇA A SER COGITADA

Definitivamente virou moda no futebol gaúcho a torcida do Grêmio ter que se contentar com os fracassos do Internacional e a torcida colorada ter que se dar por satisfeita com os fracassos do rival tricolor

16/04/2022 às 07h37
Por: Redação J Fonte: Terceiro Tempo UOL
Compartilhe:
Lucas Uebel |Grêmio FBPA
Lucas Uebel |Grêmio FBPA
Tanto o Beira-Rio quanto a Arena viram ultimamente verdadeiros parques de diversão de times pequenos que entram despretensiosamente nessas praças de esporte e fazem gremistas e colorados sofrerem mais do que bezerro recém desmamado. 
Ontem o Internacional deu alegria aos torcedores gremistas, empatando em casa  com o modestíssimo Guaireña, do Paraguai, e complicando sua possibilidade de classificação na Copa Sul-America. 
Hoje o Grêmio devolveu a gentileza, com juros e correção monetária, perdendo para a não menos modesta Chapecoense pelo escore mínimo, dando alegria aos torcedores também sofridos do igualmente trôpego rival. 
Está mais do que escancarado que tanto nas hostes mosqueteiras quanto nas escarlates os maiores responsáveis por essa maré baixíssima em que navega a dupla Gre-Nal são seus treinadores, revelando total incompetência para formatar algo que se possa chamar de time de futebol. 
Tanto Roger Machado quanto Cacique Medina deixam clara essa incapacidade latente quando substituem mal, denotando desespero que os faz trocar craques experimentados por jogadores oriundos da base ou recém contratados, que ainda não mostraram serviço. 
No jogo de hoje contra a Chapecoense, por exemplo, Roger Machado não teve paciência de esperar que aquela pressão gremista do primeiro tempo amadurecesse na segunda etapa a ponto de buscar o gol que faltava, e, de forma atabalhoada,  desmontou a ofensiva gremista, retirando de campo Campaz e Elias, dois dos jogadores mais agudos do setor. 
Com essas substituições, o técnico gremista conseguiu fragilizar ainda mais aquele ataque que já se mostrava incapaz de furar o bloqueio do visitante catarinense, montado de forma sábia pelo experiente treinador Gilson Kleina. 
O que Roger Machado conseguiu, com suas substituições afoitas, foi piorar ainda mais aquilo que já estava ruim, tendo que assistir no apito final seu time sair de campo derrotado e vaiado por torcedores apavorados,  agora não mais sob o espectro do rebaixamento, mas com a ameaça de não conseguir voltar à série A. 
Claro que é muito cedo para fazer terra arrasada desses insucessos gremistas nos dois primeiros jogos da série B, mas isso permite imaginar que, se nada for feito para melhorar o rendimento do time,  o tricolor poderá ter pela frente sérias dificuldades para alcançar vaga no G-4 no final da competição e disputar o campeonato da 1ª divisão no ano que vem. 
Quem disser que a ausência de Renato Portaluppi não está sendo sentida na Arena estará demonstrando que tem a memória fraca ou então nutre uma antipatia pessoal e gratuita pelo ídolo gremista que se tornou um técnico de futebol vitorioso. 
Quem não lembra daquele Grêmio vencedor de 2016 e 2017, que conquistava títulos importantes para o Clube, praticando um futebol técnico e objetivo, com a bola rolando de pé em pé, sem esse negócio acanhado de se postar defensivamente, tentando ganhar o jogo de forma aventureira pelo milagre do contra-ataque, única tática de que se valeu Roger para ganhar o Gauchão ? 
Pois é, gente. Aquele Grêmio vencedor acabou. Em parte - é claro - porque não tem hoje jogadores do nível daqueles que Renato comandava, mas vale observar que vários daqueles atletas notáveis, de que são exemplos Arthur, Luan, Cebolinha, Pepê e outros, são talentos  oriundos das categorias de base, que o olho clínico de Portaluppi transformou em craques de exceção. 
Considerando as nuvens negras que começam a pairar sobre a Arena do Bairro Humaitá, ameaçando a sorte gremista no que se refere ao seu intento de retornar à Série a  A, dá para dizer que já está passando da hora de direção, torcida e jogadores gremistas clamarem em uníssono pelo retorno de Renato Portaluppi ao lugar de onde não deveria ter sido enxotado quando estava afastado do comando do time por causa da Pandemia.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Itapiranga - SC Atualizado às 15h18 - Fonte: ClimaTempo
17°
Poucas nuvens

Mín. 12° Máx. 17°

Ter 14°C 9°C
Qua 14°C 9°C
Qui 17°C 11°C
Sex 18°C 9°C
Sáb 23°C 8°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Enquete
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias