10°C 13°C
São Miguel do Oeste, SC
Publicidade

Secretaria da Saúde libera vacina contra a gripe para toda a população de SC acima de 6 meses de idade

Santa Catarina entra em estado de emergência após ‘boom’ de doenças respiratórias; Carmen Zanotto destaca a importância da vacinação contra a gripe para reduzir superlotação

06/05/2024 às 09h04
Por: Redação1 Fonte: Dive SC
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

A Campanha de Vacinação contra a gripe será ampliada em Santa Catarina a partir de hoje. As doses da vacina estarão liberadas para aplicação em toda a população acima dos 6 meses.

A medida segue a recomendação feita pelo Ministério da Saúde de utilizar as doses excedentes na população em geral, tendo em vista o grande número de internações registradas em decorrência da gripe.

Com a ampliação, a Secretaria de Estado da Saúde pretende reduzir as hospitalizações e os casos graves da doença. A cobertura vacinal no Estado está em 32% e a meta recomendada pelo ministério é de 90%.

A secretária de Estado da Saúde, Carmen Zanotto, ressalta a importância de as pessoas que fazem parte dos grupos prioritários, de se vacinarem contra a gripe, levando em consideração que essa população tem mais chances de adoecer gravemente em decorrência do vírus influenza.

Nós estamos fazendo um apelo a toda população para que busque os postos de vacinação. Estamos em um momento de superlotação das nossas emergências, as doenças respiratórias já chegaram e todos precisam fazer a sua parte. Vacina salva vidas”, afirmou Zanotto.

O imunizante oferecido na rede pública de saúde previne os principais vírus influenza presentes no Brasil, que são a influenza A (H1N1), influenza A (H3N2) e o vírus influenza B.

No entanto, a proteção só ocorre de duas a três semanas após a aplicação da dose, por isso a Secretaria de Estado da Saúde alerta para a importância de se vacinar o quanto antes, evitando casos graves, hospitalizações e mortes por gripe.

As crianças que vão receber a imunização da gripe pela primeira vez devem tomar duas doses com um intervalo de 30 dias. Para aquelas que também estão na faixa etária e nos municípios prioritários para aplicação da vacina contra a dengue, que é de 10 a 14 anos, o intervalo recomendado entre as doses da gripe e da dengue deve ser de 24 horas.

 

Lenium - Criar site de notícias