Terça, 18 de Janeiro de 2022 01:37
(55) 99612-5337
Geral Assalto

Assalto a banco em Apiúna SC foi arquitetado dentro de penitenciária, diz delegado

Assalto a banco em Apiúna SC foi arquitetado dentro de penitenciária, diz delegado

30/01/2020 08h52 Atualizada há 2 anos
Por: Redação
Assalto a banco em Apiúna SC foi arquitetado dentro de penitenciária, diz delegado

Polícia Civil deflagrou na manhã desta quarta-feira (29) a Operação Saque Recusado.

O assalto a banco que ocorreu em Apiúna no fim do ano passado foi arquitetado de dentro da Penitenciária de Chapecó. É isso que aponta o delegado Ronnie Esteves, responsável pelas investigações que envolvem o crime que foi o quinto grande roubo registrado no Vale do Itajaí em 2019.

Na manhã desta quarta-feira (29) a Polícia Civil deflagrou a Operação Saque Recusado, com buscas e apreensões que ocorreram nas cidades de Apiúna, Indaial, Blumenau e Chapecó. Durante o trabalho, dois detentos da unidade prisional do Oeste também tiveram a prisão preventiva decretada — mesmo já estando na cadeia. Segundo Ronnie, eles são os responsáveis por organizar toda a ação criminosa.

Apuramos que todo o planejamento do crime veio das dependências da penitenciária de Chapecó com a utilização de telefones celulares por dois líderes da facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios — aponta o delegado de Ascurra.

Na cela em que estavam os dois presos foi apreendido um celular (que teria sido usado para planejar o assalto), carregadores artesanais e cartas relacionadas a uma facção criminosa. Um terceiro envolvido no planejamento do roubo também teve a prisão preventiva decretada e é considerado foragido.

Um preso, um foragido durante a operação, um homem foi preso por posse ilegal de arma de fogo e diversos instrumentos usados para a fabricação de armas foram apreendidos. Os materiais estavam em Apiúna, na casa de um dos suspeitos de participação no roubo e que está preso desde 18 de dezembro do ano passado.

No total, sete pessoas já foram presas pelo assalto, seja por terem arquitetado a ação ou por terem participado diretamente dela. Um foi morto em confronto com a polícia na época. Na avaliação de Ronnie Esteves, o crime está solucionado.

— O assalto ao Bradesco de Apiúna está definitivamente solucionado, com a identificação e a participação de todos os investigados — finaliza.

Polícia Civil

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias