Segunda, 18 de Outubro de 2021 17:02
(55) 99612-5337
27°

Pancada de chuva

Itapiranga - SC

Dólar com.

R$ 5,51

Euro

R$ 6,4

Peso Arg.

R$ 0,06

Geral Com

Com 113 anos mulher mais velha do mundo venceu o coronavírus

Com 113 anos mulher mais velha do mundo venceu o coronavírus

13/05/2020 14h45 Atualizada há 1 ano
Por: Redação
Com 113 anos mulher mais velha do mundo venceu o coronavírus

A mulher mais velha da Espanha, com 113 anos, segundo a associação do Grupo de Pesquisa em Gerontologia, María Branyas, é também a partir de agora a pessoa mais velha a superar o coronavírus. María venceu o COVID-19, o vírus que tem colocado o mundo de joelhos, a partir da residência em que vive, em Olot (Girona). María é filha de um jornalista de Pamplona, ​​responsável pela revista americana “Mercurio” e de uma mulher de Barcelona. Nasceu a 4 de Março de 1907 em San Francisco (Estados Unidos), onde o seu pai trabalhava depois de uma passagem pelo México.

Depois de um périplo por Nova Orleans e localidades catalãs como Barcelona, Banyoles, Girona, Calonge i Sant Antoni y Palol de Revardit, há cerca de duas décadas que María resolveu viver na Residência Santa María del Tura de Olot, onde tinha uma amiga e uma prima do seu marido. Este centro de idosos, como ocorre em muitos da sua área em Espanha, sofreu a crueldade e a letalidade do coronavírus, com diferentes mortes confirmadas pelo COVID-19.

Uma das boas notícias para a residência é que María, que foi diagnosticada em Abril com COVID-19 e esteve isolada no seu quarto por várias semanas, deu resultado negativo no último teste, o que demonstra que ela superou a doença.

A anciã, de quem a filha diz ter uma cabeça “muito boa”, mas que perdeu muita visão e audição, considera a pandemia “uma pena muito grande para todos” e que, em geral, o vírus é desconhecido “onde veio, como veio e porquê “. Aos 113 anos, María garante que, de saúde, está “bem, com os pequenos inconvenientes que todos podem ter” e agradeceu o tratamento dos profissionais da residência. “As pessoas aqui são muito gentis, muito atenciosas”, referiu.

De acordo com a filha Rosa Moret, sua mãe é “uma mulher forte e positiva”, que, afectada pelo coronavírus, “apanhou uma infecção urinária tinha mau estar, mas nenhum outro sintoma. Mas os testes que lhe fizeram no Centro de Assistência Primário (CAP) deram positivo ”. Nas últimas semanas de isolamento no seu quarto, a sua vida mudou pouco, embora ela estivesse “entediada e angustiada”, segundo Rosa, que Mary despachava rapidamente quando falavam ao telefone.

O último dia em que a família pôde visitá-la foi precisamente na sua festa de 113 anos, em 4 de Março. Desde então, todo contato foi feito por telefone. “Agora que ela está bem, ela é maravilhosa, ela quer falar, explicar, fazer suas reflexões. É ela de novo”, diz a filha, que é quem, junto com o marido, mantém uma conta de Maria no Twitter. É por este meio que explica os lugares que sua mãe visitou, as memórias de infância e episódios da vida de alguém que, em 1915, voltou de barco da América, porque o seu pai ficou doente de tuberculose, acabando por morrer a bordo, com o corpo a ser jogado ao mar.

Quando questionada sobre o segredo de sua longevidade, María responde que é uma questão de “ter boa saúde”. A sua filha Rosa, sorrindo, específica que não se lembra da sua mãe ter fumado ou de a ver praticar desporto, que não fosse o passeio pela Rambla de Girona com os seus amigos. “Ela não teve nenhuma doença grave, nem mesmo um osso quebrado”, sublinha.

Nesta longa vida, Maria viu os seus amigos, pais, os seus três irmãos falecerem. Tal como August, um dos seus três filhos, juntamente com Maria Teresa e Rosa, que têm 86 e 76 anos, respectivamente. Esta última explica que a mãe diz sempre que estas coisas têm de se aceitar.

A mulher mais velha da Espanha, que se casou em 1931 com Joan Moret, um médico de Llagostera (Girona), teve três filhos e agora conta com onze netos, um dos quais já tem sessenta anos, e treze bisnetos. A sua família está ansiosa para que tudo isto termine para poder visitar Maria novamente.

Fonte: CorreiodaBeiraSerra

Última Hora

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias