Terça, 18 de Janeiro de 2022 00:35
(55) 99612-5337
Geral Município

Município do Oeste Catarinense confirma morte de caminhoneiro por coronavírus

Município do Oeste Catarinense confirma morte de caminhoneiro por coronavírus

09/06/2020 09h44 Atualizada há 2 anos
Por: Redação
Município do Oeste Catarinense confirma morte de caminhoneiro por coronavírus

A prefeitura de Dionísio Cerqueira, no Oeste de Santa Catarina confirmou que o homem, de 37 anos, morador do município, que morreu no domingo (7), no Hospital Regional Terezinha Gaio Basso, em São Miguel do Oeste testou positivo para o novo coronavírus. A confirmação aconteceu através de uma nota oficial, divulgada pela Secretara Municipal de Saúde, nesta segunda-feira (8).

Conforme a nota, o homem, que é motorista autônomo de caminhão retornou de viagem do Nordeste, São Paulo e Foz do Iguaçu (PR). Na última terça-feira (2), ele apresentou sintomas de Covid-19 e deu entrada no Hospital Municipal de Dionísio Cerqueira. Segundo a nota, o homem foi submetido a dois testes rápidos, que indicaram positivo para a doença. O paciente teve coletado o material e encaminhado para o Laboratório Central de Saúde Pública do Estado de Santa Catarina (Lacen), em Florianópolis (SC).

Ainda na terça-feira, o homem foi encaminhado para Hospital Regional Terezinha Gaio Basso, onde permaneceu na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) até a noite do último domingo, quando morreu.

Nesta segunda-feira, o Lacen divulgou o resultado do exame do paciente, que apontou positivo para a Covid-19. Segundo a nota da prefeitura de Dionísio Cerqueira “tudo indica que o paciente foi contaminado em outra cidade (caso de contaminação importada)”.

Conforme a nota, todas as pessoas com quem ele teve contato no município foram submetidas ao teste rápido e testaram negativo para a doença.

Confira a nota da prefeitura de Dionísio Cerqueira

Foto: Divulgação/Prefeitura de Dionísio Cerqueira

Foto: Warley de Andrade/TV Brasil

Fonte: Click RDC

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias