Domingo, 22 de Maio de 2022
16°

Poucas nuvens

Itapiranga - SC

Dólar
R$ 4,88
Euro
R$ 5,15
Peso Arg.
R$ 0,04
Geral Animal

Animal ameaçado de extinção é visto no Parque Estadual do Turvo

Animal ameaçado de extinção é visto no Parque Estadual do Turvo

10/07/2020 às 18h57 Atualizada em 10/07/2020 às 21h57
Por: Redação
Compartilhe:

O Parque Estadual do Turvo, localizado no município de Derrubadas, na região Norte do Estado do Rio Grande do Sul, realizou um registro inédito. Pela primeira vez na história, um animal da espécie Cachorro-vinagre (Speothos venaticus) foi visto no Estado.

De acordo com o gestor do parque, Rafael Diel Schenkel, essa espécie, difícil de ser observada em campo, é considerada rara e ameaçada de extinção.

O registro foi realizado durante uma atividade de monitoramento de fauna. Dois indivíduos da espécie foram avistados e fotografados pelo biólogo e guarda-parque, Anderson Cristiano Hendgen, e o estagiário, Ademir Fick.

A espécie não consta na lista de mamíferos do Rio Grande do Sul. E não havia informações atuais ou históricas sobre sua ocorrência no Estado, o que torna o registro do animal motivo de comemoração pelos pesquisadores. Pelo menos até então.

“O registro confirma a importância do parque e ressalta a necessidade de conservação de áreas de proteção, para que seja possível a manutenção de espécies de fauna, o que também possibilita descobertas relevantes como esta. Dessa forma, podemos ver o principal objetivo do parque, a proteção da biodiversidade, sendo cumprido”, enfatizou Schenkel.

Parque Estadual do Turvo é o maior e mais representativo fragmento de Mata Atlântica do Rio Grande do Sul. O parque é uma  das Unidades de Conservação administradas pela Sema (Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Infraestrutura).

 

Cachorro-vinagre

O Cachorro-vinagre – um tipo de cachorro do mato – possui pequenas orelhas arredondadas, pernas e cauda curtas e coloração marrom. A dieta do animal é exclusivamente carnívora. A espécie é considerada predominantemente florestal, ou seja, não costuma viver próximo de áreas urbanas.

Na Mata Atlântica, os únicos registros são dos estados de São Paulo e do Paraná. As principais ameaças à espécie são a perda e a degradação de habitat causada por desmatamento, adensamento humano e doenças, como a raiva.

Por AgoranoRS

 Foto: Ademir Fick/Divulgação

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Itapiranga - SC Atualizado às 20h51 - Fonte: ClimaTempo
16°
Poucas nuvens

Mín. 11° Máx. 24°

Seg 26°C 13°C
Ter 28°C 13°C
Qua 29°C 15°C
Qui 27°C 17°C
Sex 23°C 18°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Enquete
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias