Quinta, 28 de Outubro de 2021 07:31
(55) 99612-5337
Geral Família

Família adota criança e após dois anos encontra irmã gêmea

Família adota criança e após dois anos encontra irmã gêmea

11/08/2020 08h52 Atualizada há 1 ano
Por: Redação
Família adota criança e após dois anos encontra irmã gêmea

Duas irmãs gêmeas que foram separadas na maternidade foram unidas novamente em julho deste ano por uma família de Feira de Santana, que decidiu adotá-las: a assistente social Ana Cristina Almeida e o técnico de automação industrial Júlio Ramos.

Alice e Aline nasceram em Teixeira de Freitas, no sul da Bahia, mais de 700 km de Feira de Santana. Uma delas, Alice, nasceu com má formação da laringe e da traqueia e com apenas 27 dias de vida, foi encaminhada para o Hospital da Criança, em Feira. Com problema de saúde, Alice foi abandonada pela mãe, já Aline permaneceu com a família biológica.

Foi na unidade de saúde que ocorreu o encontro da pequena com Ana Cristina, que é assistente social e na época trabalhava na unidade de saúde.

O marido de Ana disse que ficou surpreso com a iniciativa da esposa em adotar Alice, mas como eles tinham planos de ter filhos, resolveram abraçar a ideia, e entrar com o processo de guarda da criança.

Ana Cristina disse que ela e o marido sabiam da existência da irmã gêmea da filha, mas não sabiam do paradeiro da criança.

Após dois anos, a menina que estava com a família biológica também foi colocada para adoção. Em setembro de 2019, Ana Cristina descobriu que estava grávida de Pedro - hoje com três meses - e foi nesse mesmo período que ela ficou sabendo, por meio do Conselho Tutelar, que Aline, irmã de Alice, tinha sido encontrada e estava em um abrigo em Teixeira de Freitas, no sul da Bahia.

Diante do caso, a família de Feira de Santana que já estava com uma das irmãs decidiu juntar as gêmeas na mesma família novamente.

O casal conta que a ajuda da família e de amigos para cuidar das três crianças tem sido fundamental. Ana e Júlio revelam que a tarefa não é fácil, mas que muito é possível quando há amor.

Fonte G1

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias