Sábado, 29 de Janeiro de 2022 07:12
(55) 99612-5337
Geral DADONE

Empresa investe em projeto para agricultura regenerativa

Com a proximidade do Dia Nacional da Conscientização sobre Mudanças Climáticas, celebrado em 16 de Março, a empresa multinacional Danone reforça seu investimento em projetos de agricultura regenerativa

09/03/2021 19h44
Por: Redação1 Fonte: Ascom Danone/Novo Rural
Agropecuária J Machado
Agropecuária J Machado

Com a proximidade do Dia Nacional da Conscientização sobre Mudanças Climáticas, celebrado em 16 de Março, a empresa multinacional Danone reforça seu investimento em projetos de agricultura regenerativa, onde fará uma expansão de três para 188 hectares nos próximos anos.

O projeto envolvido nesta expansão é o Projeto Flora, também chamado de Integração Pecuária Floresta (IPF), que propõe aos produtores de leite uma integração entre pasto e floresta, que ajuda a reter carbono no solo com o novo plantio de diversas espécies arbóreas e consequentemente aumenta também o bem-estar do animal e melhora ainda mais a qualidade leite.

De acordo com a empresa, a Agricultura regenerativa é como um pacote de práticas que ajudam a visão da área não como algo negativo na emissão de gases do efeito estufa, mas como uma parte da solução, que ajuda a reter carbono no solo, melhorando a biodiversidade no planeta. Uma dessas práticas é a da integração lavoura- pecuária-floresta na qual o tipo de plantio varia de acordo com a quantidade de espécies no sistema e alocação delas.

O primeiro investimento do projeto Flora foi a implementação de uma Unidade Demonstrativa que servirá como Fazenda Escola aos produtores, onde eles poderão fazer dias de campo e conhecer os benefícios que eles terão, além de aumenta engajar outros produtores e fazendas para ampliar essa cadeia de parceria.

Há também o Programa de Bem-Estar Animal, no qual o time de Sustentabilidade do Leite Danone opera em conjunto com o time de Especialistas de Produção Leiteira (técnicos de campo Danone) aplicando regularmente um protocolo de bem-estar animal em todas as fazendas fornecedoras de leite. Após este protocolo é gerado um "score", ou seja, uma pontuação de bem-estar animal para cada propriedade, assim, é possível melhorar continuamente as práticas de manejo bovino das fazendas fornecedoras de leite.

Outro projeto que está em construção é o Projeto da Soja, que está sendo estruturado em parceria com a WWF, cuja iniciativa apoia as empresas no alinhamento, desenvolvimento e implementação de compromissos de desmatamento zero e não conversão, por meio de ferramentas de suporte à decisão, melhorias na transparência das informações e acesso a incentivos financeiros.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias