Sexta, 03 de Dezembro de 2021 11:02
(55) 99612-5337
Geral PIRÂMIDE FINANCEIRA

Esquema de pirâmide financeira da criptomoeada é alvo de operação em SC

Vítimas eram captadas por meio de sites que prometiam realizar investimentos lucrativos

23/06/2021 14h50
Por: Redação 2 Fonte: G1
Ministério Público de Minas Gerais
Ministério Público de Minas Gerais

Uma operação deflagrada na manhã desta terça-feira (23) apura um esquema de pirâmide financeira que teria atuação em Florianópolis. Ao todo, dois mandados de prisão temporária e sete de busca e apreensão estão sendo cumpridos na Capital. A investigação é conduzida pelo Ministério Público de Minas Gerais e a Polícia Civil.

Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos, principalmente, em dois escritórios que, segundo a investigação, atuavam na captação de vítimas. Além do Brasil, a organização teria atuação em toda a América Latina e na Europa.

Essa é a segunda fase da Operação “Black Monday”, iniciada em maio de 2020. Na ocasião, o MPMG descobriu indícios de que criminosos estariam captando dinheiro das pessoas por meio de sites, com a promessa de realizar investimentos financeiros lucrativos.

Segundo a investigação, os valores transferidos pelas vítimas eram convertidos pela organização criminosa em bens de alto valor e criptomoedas, um tipo de dinheiro virtual.

O prejuízo gerado pela quadrilha foi estimado em R$ 100 milhões. Até então, o Ministério Público identificou 1,5 mil pessoas vítimas do esquema.

A primeira fase da operação foi deflagrada em março deste ano e cumpriu seis mandados de prisão preventiva e 29 mandados de busca e apreensão. As diligências aconteceram em 12 estados, incluindo Santa Catarina.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias